Pug @pugstar

  • Posts
    10
  • Followers
    142
  • Following
    481
18 de janeiro a primeira ninhada já estará disponível, faça a sua reserva!
  • Comments 11

18 de janeiro a primeira ninhada já estará disponível, faça a sua reserva!

Advertising
Pelagem

O cão da raça Pug deverá contar com um pelo fino, liso, macio, curto e brilhante, não sendo nem mesmo áspero nem lanoso.

Como cores mais comuns encontradas deverá existir cores prata, fulvo ou preto. Cada uma delas claramente definida para que se possa fazer um completo contraste entre as cores. O traço deverá ser uma linha preta que vai desde a região occipital até a sua cauda e uma máscara negra. Estas marcas deverão ser claramente definidas ao cão. Seu focinho ou máscara, as orelhas, sinais nas bochechas, marcas de polegar ou diamante na testa deverão contar com um tom mais preto possível.
  • Comments 0

Pelagem O cão da raça Pug deverá contar com um pelo fino, liso, macio, curto e brilhante, não sendo nem mesmo áspero nem lanoso. Como cores mais comuns encontradas deverá existir cores prata, fulvo ou preto. Cada uma delas claramente definida para que se possa fazer um completo contraste entre as cores. O traço deverá ser uma linha preta que vai desde a região occipital até a sua cauda e uma máscara negra. Estas marcas deverão ser claramente definidas ao cão. Seu focinho ou máscara, as orelhas, sinais nas bochechas, marcas de polegar ou diamante na testa deverão contar com um tom mais preto possível.

CURIOSIDADE - Na China Antiga, os pugs eram chamados de ba guo, que significa "o cão que ronca".
  • Comments 0

CURIOSIDADE - Na China Antiga, os pugs eram chamados de ba guo, que significa "o cão que ronca".

OUTRAS INFORMAÇÕES: - São também conhecidos como Pug chinês, Carlin e Mops. - O formato achatado do focinho dos pugs dificulta a respiração, que é ofegante. Em função disso, não suportam ficar em locais fechados por muito tempo, podendo até morrer com problemas respiratórios. - As narinas finas são importantes no processo de regulagem térmica desta raça. Em função desta característica física, os pugs são muito sensíveis ao calor.
  • Comments 0

OUTRAS INFORMAÇÕES: - São também conhecidos como Pug chinês, Carlin e Mops. - O formato achatado do focinho dos pugs dificulta a respiração, que é ofegante. Em função disso, não suportam ficar em locais fechados por muito tempo, podendo até morrer com problemas respiratórios. - As narinas finas são importantes no processo de regulagem térmica desta raça. Em função desta característica física, os pugs são muito sensíveis ao calor.

Advertising
COMPORTAMENTO E TEMPERAMENTO: - Os Pugs são excelentes cães de companhia, pois possuem um comportamento gentil, dócil e amistoso. - São cães com ótima capacidade de atenção, pois estão alertas grande parte do tempo. - É um cão sociável, com grande capacidade de adaptação a ambientes e pessoas diferentes. Porém, num primeiro momento, podem ser agressivos e receosos com pessoas desconhecidas.
  • Comments 0

COMPORTAMENTO E TEMPERAMENTO: - Os Pugs são excelentes cães de companhia, pois possuem um comportamento gentil, dócil e amistoso. - São cães com ótima capacidade de atenção, pois estão alertas grande parte do tempo. - É um cão sociável, com grande capacidade de adaptação a ambientes e pessoas diferentes. Porém, num primeiro momento, podem ser agressivos e receosos com pessoas desconhecidas.

CARACTERÍSTICAS FÍSICAS - O pug é um cão de raça miniatura de origem chinesa. - Possuem aspecto quadrado e são baixos (pequeno porte), compactos e musculosos. - Os cães da raça pesam entre 6,5 e 11,5 quilos. - A cabeça dos cães desta raça tem um formato arredondado, grande e sólido. A testa é enrugada. O focinho é achatado e quadrado. O rabo dos pugs é em formato de espiral. Os olhos são arredondados, grande e de formato globular. - A pelagem dos pugs é fina, curta, macia e lisa. - Há cães pugs com pelagens nas seguintes cores: preta, abricó-castanho e preateada. - A altura destes cães varia entre 25 a 29 cm (machos) e 50 a 55 cm (fêmeas). - O latido desta raça de cão é bem interessante e diferente. Quando late parece estar roncando com pequenos intervalos de grunhidos. Para quem não conhece esta raça, pode pensar que o cão está engasgando. - Os cães saudáveis da raça pug vivem, em média, de 13 a 15 anos.
  • Comments 0

CARACTERÍSTICAS FÍSICAS - O pug é um cão de raça miniatura de origem chinesa. - Possuem aspecto quadrado e são baixos (pequeno porte), compactos e musculosos. - Os cães da raça pesam entre 6,5 e 11,5 quilos. - A cabeça dos cães desta raça tem um formato arredondado, grande e sólido. A testa é enrugada. O focinho é achatado e quadrado. O rabo dos pugs é em formato de espiral. Os olhos são arredondados, grande e de formato globular. - A pelagem dos pugs é fina, curta, macia e lisa. - Há cães pugs com pelagens nas seguintes cores: preta, abricó-castanho e preateada. - A altura destes cães varia entre 25 a 29 cm (machos) e 50 a 55 cm (fêmeas). - O latido desta raça de cão é bem interessante e diferente. Quando late parece estar roncando com pequenos intervalos de grunhidos. Para quem não conhece esta raça, pode pensar que o cão está engasgando. - Os cães saudáveis da raça pug vivem, em média, de 13 a 15 anos.

Pug 
De origem Chinesa, o Pug tem sido fiel a raça desde antes de 400 A.C Autoridades concordam que ele é de origem chinesa, o Pug foi levado à Holanda por volta do século XVI pela companhia Mercantil de Navegação Holandesa, dita Companhia das Índias, e foi bastante apreciado pelas damas da sociedade como cão de colo, onde se tornou o favorito em varias cortes real. Depois chegou à Inglaterra que o adotou e mais tarde redigiria o seu padrão. Antes, porém, no início do século XVII, já era difundido em vários países Europeus como Itália, França, Espanha e Alemanha. Sempre tido como animal de estimação da nobreza e alta sociedade, sua trajetória remonta os episódios com Napoleão Bonaparte, William the Silent, o rei da Holanda e mais recentemente o Duque de Windsor.
Sem o aviso de um pequeno Pug, William teria morrido nas mãos dos Espanhóis. O latido de alerta do cão avisou sobre a invasão e salvou uma vida real. O Pug tornou-se o cão oficial da corte, e o tumulo de Wiliam exibe, alem dele, seu querido cão de estimação.
Em 1860 soldados ingleses saquearam o palácio Imperial de Pequim e cães das raças Pug foram trazidos de volta para a Inglaterra. Essa foi à primeira vez desde o inicio do século XVI que os cães de qualquer grande número tinham sido interpostos fora da china. Black Pugs foi importado da China e exibido pela primeira vez na Inglaterra em 1886. Um ano antes, em 1885, o Pug tinha sido aceito para ser registrado pela American Kennel Club.
O Pug também possui também outros nomes como, por exemplo: Mops do verbo “Moppen” que significa “de aspecto franzido”, na Alemanha.
Os ingleses o batizaram de Pug ou “Pug-Dog”, isto é “coisa diminuta”, “cão diminuto”.
O nome Carlino ou Carlin foi usado pela primeira vez na França pelo aspecto cômico e curioso que lhe conferem as rugas e a pigmentação particular do rosto.
Muitos acabam adquirindo a raça alem de serem apaixonados por ela, pelo grande status, sinal de poder que ela proporciona a membros da alta sociedade.
No Brasil a difusão da raça ainda é muito pequena, mas basta que seja um pouco divulgada para demonstrar seu potencial de carisma que há muito tempo já foi descoberto pelo mundo.
  • Comments 0

Pug De origem Chinesa, o Pug tem sido fiel a raça desde antes de 400 A.C Autoridades concordam que ele é de origem chinesa, o Pug foi levado à Holanda por volta do século XVI pela companhia Mercantil de Navegação Holandesa, dita Companhia das Índias, e foi bastante apreciado pelas damas da sociedade como cão de colo, onde se tornou o favorito em varias cortes real. Depois chegou à Inglaterra que o adotou e mais tarde redigiria o seu padrão. Antes, porém, no início do século XVII, já era difundido em vários países Europeus como Itália, França, Espanha e Alemanha. Sempre tido como animal de estimação da nobreza e alta sociedade, sua trajetória remonta os episódios com Napoleão Bonaparte, William the Silent, o rei da Holanda e mais recentemente o Duque de Windsor. Sem o aviso de um pequeno Pug, William teria morrido nas mãos dos Espanhóis. O latido de alerta do cão avisou sobre a invasão e salvou uma vida real. O Pug tornou-se o cão oficial da corte, e o tumulo de Wiliam exibe, alem dele, seu querido cão de estimação. Em 1860 soldados ingleses saquearam o palácio Imperial de Pequim e cães das raças Pug foram trazidos de volta para a Inglaterra. Essa foi à primeira vez desde o inicio do século XVI que os cães de qualquer grande número tinham sido interpostos fora da china. Black Pugs foi importado da China e exibido pela primeira vez na Inglaterra em 1886. Um ano antes, em 1885, o Pug tinha sido aceito para ser registrado pela American Kennel Club. O Pug também possui também outros nomes como, por exemplo: Mops do verbo “Moppen” que significa “de aspecto franzido”, na Alemanha. Os ingleses o batizaram de Pug ou “Pug-Dog”, isto é “coisa diminuta”, “cão diminuto”. O nome Carlino ou Carlin foi usado pela primeira vez na França pelo aspecto cômico e curioso que lhe conferem as rugas e a pigmentação particular do rosto. Muitos acabam adquirindo a raça alem de serem apaixonados por ela, pelo grande status, sinal de poder que ela proporciona a membros da alta sociedade. No Brasil a difusão da raça ainda é muito pequena, mas basta que seja um pouco divulgada para demonstrar seu potencial de carisma que há muito tempo já foi descoberto pelo mundo.

Advertising
18 de janeiro a primeira ninhada já estará disponível, faça a sua reserva!
  • Comments 0

18 de janeiro a primeira ninhada já estará disponível, faça a sua reserva!

  • Comments 0

  • Comments 0

Advertising